Ir para o conteúdo
RECEBA DICAS DE SAÚDE E ALIMENTAÇÃO NO SEU E-MAIL!

Dia Mundial Sem Tabaco: Confira 9 dicas para parar de fumar

Dia Mundial Sem Tabaco: Confira 9 dicas para parar de fumar

O Dia Mundial Sem Tabaco, foi criado em 1987 pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para alertar sobre as doenças e mortes evitáveis relacionadas ao tabagismo. No Brasil, o INCA é o responsável pela divulgação e elaboração do material que serve de apoio para a realização de trabalhos de promoção e prevenção em saúde.

Uma verdadeira fumacinha venenosa, para quem fuma e também para os chamados fumantes passivos que são tão prejudicados quanto os fumantes ativos, pois mesmo ainda que a fumaça seja invisível; infelizmente pode permanecer no ar por até cinco horas, o que aumenta a exposição das pessoas e riscos de doenças doenças respiratórias crônicas, redução da função pulmonar e câncer de pulmão.

O cigarro contém cerca de 4720 substâncias tóxicas, das quais 50 são cancerígenas, o fumante tem mais chance de ter câncer de boca, de pulmão, a nicotina aspirada cai na corrente sanguínea e afeta praticamente todos os órgão, o cigarro prejudica a distribuição de oxigênio pelo organismo que prejudica o cérebro, comprime os vasos sanguíneos, aumenta a pressão arterial, toda a circulação comprometida, há maior acumulo de toxinas e gordura.

Quem se livra do cigarro respira melhor, sente diferença no paladar e olfato, melhora a circulação, melhora do sistema imunológico, tem mais disposição, reduz riscos de ataque cardíaco, acidente vascular cerebral e câncer.

A decisão de parar de fumar é fundamental para iniciar o processo por uma vida mais saudável, exige disciplina, determinação e pode até precisar de apoio e compreensão de familiares e pessoas próximas; principalmente se também forem fumantes.

Algumas dicas que inclusive são incentivadas por órgãos de saúde, podem servir de impulso para começar ou retomar o projeto para se livrar de vez do tabagismo:

  1. Escolha um método que se adapte melhor à sua realidade; por exemplo: deixar separado o que usará no dia, reduzindo gradativamente o número de cigarros, adiar o horário de fumar ao acordar, determinar um prazo como meta pessoal para zerar de vez o fumo;
  2. Evite os parceiros do perigo como: cafezinho, bebidas alcoólicas, companhias fumantes, cigarro no carro, espaço que pessoas costumam fumar, cinzeiros espalhados pela casa;
  3. Escove os dentes logo após as refeições, para diminuir a vontade de fumar, tenha sempre à mão chicletes ou balas sem açúcar;
  4. Cuide da alimentação, equilibrando a variedade e quantidade, é uma forma para não cair em tentação com facilidade;
  5. Aposte em petiscos que podem ajudar na ansiedade, portanto priorize: bala e chiclete diet, canela em pau, cristais de gengibre, cravo, anis-estrelado, pastilhas de menta, castanhas, frutas secas, palitinhos de cenoura, pepino, coco picolés ou cubos de frutas, que são boas alternativas para resistir à fissura;
  6. Troque o café por achocolatado com cacau, sucos naturais, água saborizada, chá de erva doce, melissa, camomila, hortelã;
  7. Invista em novos hábitos como: cozinhar, ler, estudar, um hobby, atividade física, meditação ou trabalho voluntário; isso te mantém ocupado e evita fumar constantemente;
  8. Procure e peça ajuda, tanto de familiares e amigos, quanto auxilio profissional;
  9. Você sabia que o magnésio é um mineral que estimula a eliminação de resíduos e facilita a depuração do sangue? Também proporciona relaxamento ao organismo e contribui no equilíbrio do estresse e da ansiedade.

Parar de fumar é um processo, que exige atitude; se deseja ter mais saúde, qualidade e expectativa de vida, precisa dar esse passo e se reeducar para colocar em prática novos hábitos e fugir da crescente e alarmante estatística de mortes relacionadas ao tabagismo.

Nutricionista Natuclin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Shares