Ir para o conteúdo
RECEBA DICAS DE SAÚDE E ALIMENTAÇÃO NO SEU E-MAIL!

Por que devemos aliar atividade física a uma alimentação saudável?

Por que devemos aliar atividade física a uma alimentação saudável?

Entenda o motivo da união altamente recomendado por nutricionistas ser tão benéfica para a saúde

 

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), praticar uma atividade física do seu perfil, com acompanhamento de um profissional da área, pode reduzir significativamente o risco de doenças cardiovasculares, câncer e diabetes. Há mais possibilidade de uma pessoa sedentária sobrecarregar órgãos vitais, articulações e outras complicações atreladas à falta de atividade física comparado a praticantes assíduos de exercícios.

Pessoas fisicamente ativas são mais dispostas, além do corpo funcionar melhor. Ao exercitar-se, o organismo libera endorfina – “hormônio do prazer” -, o qual gera uma sensação de bem-estar e relaxamento, além de aliviar dores já existentes em nosso corpo.

Quais são os benefícios da atividade física?

É cientificamente comprovado que a endorfina previne a depressão e melhora significativamente determinados casos já diagnosticados, sem dispensar a devida atenção e cuidado de um especialista da área.

A prática de atividade física possui muitos benefícios, principalmente quando aliada a uma alimentação equilibrada – o percentual de resultados satisfatórios é muito elevado. É claro que existem outros fatores como condições de saúde e equilíbrio hormonal que são capazes de interferir no peso. Porém, com cuidado e dedicação, conseguimos colocar tudo nos eixos.

Como anda sua relação entre ingestão e gasto calórico?

Se você anda ingerindo mais calorias do que é capaz de gastar, muito provavelmente já está acima ou a caminho de exceder o peso adequado ao seu biotipo. Além do mais, não adianta querer se encaixar no plano alimentar ou ritmo de atividade física de outra pessoa.

Mudanças de hábito exigem disciplina! Caso você esteja pensando em começar algo, que tal uma parceria para dar aquela forcinha a mais? Convide alguém da sua família ou do círculo de amizades. E, claro, pelo bem da sua saúde, abandone o tabagismo, o excesso de bebida alcoólica e a alimentação baseada em produtos industrializados e bebidas açucaradas.

O que pode melhorar meu rendimento físico?

Na prática esportiva, muitas vezes pode ocorrer o uso de suplementos. Entretanto, muitas pessoas desconhecem os benefícios dos ácidos graxos – “gorduras do bem” –  para ganho de massa muscular ou redução de gordura, principalmente em regiões específicas do corpo.

A dica principal é: caso queira melhorar o rendimento nas atividades físicas, dê prioridade à alimentação saudável, incluindo em suas refeições opções naturais e anti-inflamatórias, como ômega 3. Noites bem dormidas e momentos de lazer também contribuem, e muito, com a sua saúde.

O ômega 3 possui ação anti-inflamatória e antioxidante, reduzindo o nível de estresse oxidativo, agressões que nosso corpo sofre a partir de radicais livres que desestabilizam e enfraquecem o organismo. E ainda tem mais! Este componente pode promover o chamado efeito ergogênico,que melhora o desempenho em treinos de força e de resistência física como musculação, exercícios aeróbicos e treinos intercalados de alta intensidade.

Dê um chega pra lá no sedentarismo, mas nada de sair por aí se sentindo atleta profissional. Resolveu mudar? Então separe um tempinho para fazer um check up antes, além de manter seus exames em dia para não ter nenhuma surpresa desagradável. Procure profissionais habilitados de cada área para deixar tudo certo e desfrutar da sua nova qualidade de vida.

Nutricionista Natuclin

Recomendados para você

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Shares