Ir para o conteúdo
RECEBA DICAS DE SAÚDE E ALIMENTAÇÃO NO SEU E-MAIL!

Queda de cabelo. Entenda as causas e como tratar

Queda de cabelo. Entenda as causas e como tratar

Ao pentear o cabelo você percebe a queda de alguns fios ou até mesmo no banho ao passar as mãos no cabelo? Saiba que é comum perder em média de 100 fios de cabelo por dia, mas a queda de cabelo em excesso pode indicar problemas de saúde.

Segundo especialistas a queda de cabelo é denominada de eflúvio telógeno, uma queda mais violenta que a perda natural dos fios, com perda de cerca de 300 fios ao dia. A calvície, cientificamente denominada Alopecia, é a redução parcial ou total de cabelos que pode ocorrer em ambos os sexos.

A queda de cabelo pode ser intensificada ou provocada por outras situações, como:

  • Má alimentação que gera deficiência de nutrientes;
  • Uso de determinados medicamentos;
  • Alterações hormonais causadas pela tireóide;
  • Estresse;
  • Uma doença autoimune chamada alopécia areata.
  • Gravidez, pós-parto ou amamentação;
  • Após uma cirurgia, geralmente, devido à anestesia;
  • Menopausa na mulher ou andropausa no homem.

Algumas ações também podem contribuir para piorar a situação: excesso de fixadores (gel de cabelo), o uso contínuo de secadores, água muito quente que provoca o aumento da oleosidade que leva à queda dos fios.

A falta de vitaminas no organismo contribui na queda do cabelo, alguns alimentos importantes para incluir na sua dieta:

  • Espinafre;

  • Aveia;

  • Chia;

  • Linhaça;

  • Agrião;

  • Cenoura;

  • Castanhas;

  • Laranja;

  • Morango;

  • Lentilha;

  • Ovos;

  • batata doce;

Em especial os peixes de águas profundas, como o salmão, arenque e sardinha, bem como a linhaça e a chia, que são ricos em ômega 3, ainda promovem a beleza da pele, cabelo e unhas, além de ajudarem inclusive no emagrecimento, mas nem sempre é possível ingerir a quantidade adequada para obter os benefícios, uma sugestão  é optar pela suplementação para obter melhores resultado, pois o ômega 3 auxilia também no controle da queda dos fios e ajuda muito a ativar a circulação sanguínea inadequada no couro cabeludo. Os ácidos graxos DHA e EPA presentes no ômega 3 nutrem os folículos pilosos, tornando os cabelos mais fortes e saudáveis, e seus efeitos antioxidantes podem evitar o envelhecimento dos fios.
Além da alimentação equilibrada, é possível fazer uso de produtos com doses concentradas de nutrientes específicos; existem vários suplementos naturais, que contém vitaminas e minerais e podem auxiliar diretamente no crescimento dos cabelos, mas sempre com orientação de um especialista para direcionar seu tratamento.

Nutricionista Natuclin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Shares