Alimentação saudável é aliada na prevenção do câncer de próstata

Postado em: Alimentação Cuidados com a Saúde - 05/11/2020

Você sabia que as pessoas que estão acima do peso correm mais risco de desenvolver câncer de próstata? Caso algum familiar de primeiro grau já tenha tem tido a doença, esteja alimentação ruim, é tabagista e sedentário, o risco também aumenta.

Pensando nisso, uma mudança nos hábitos alimentares é essencial para prevenção da doença. Uma dieta com menos gorduras pode fazer a diferença para manter a saúde em dia.

Este mês, o Novembro Azul, é dedicado à campanhas de prevenção e conscientização sobre o câncer de próstata, a segunda maior causa de mortes entre homens no Brasil. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), essa doença atinge a pelo menos 36,9% da população masculina. A maioria dos afetados são idosos acima de 60 anos.

Alguns sintomas da doença são a dor no corpo, urina escura e frequente, ardência para urinar, presente de sangue na urina e presença constante de bexiga cheia. Por isso, é importante procurar tratamento médico em caso de sintomas.

Por conta do isolamento causado pela Covid-19, uma doença crônica fator de risco para várias comorbidades está preocupando aos profissionais de saúde. A pandemia mostrou como a obesidade pode ser fatal.

De acordo com uma pesquisa realizada pelo Sistema de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel), em 2019, houve crescimento de 67,8% no índice de obesidade no Brasil entre os anos de 2006 e 2018.

Esse número indica a necessidade urgente do assunto ser tratado com mais seriedade, aumentando o número de campanhas de prevenção e conscientizando a população de seus riscos.

Segundo especialistas, a alimentação saudável e a prática de exercícios físicos são primordiais na prevenção da doença. Entre os alimentos que ajudam na prevenção estão aqueles com licopeno (substância responsável pela cor avermelhada), que podem ser encontradas no tomate, melancia, goiaba e no mamão.

Além deles, vegetais como o repolho, couve-flor e o brócolis também pode ajudar na prevenção. Alimentos como acerola, goiaba, morango e laranja também podem ajudar, já que eles contém vitamina C.

Recomendados para você