Dicas para exercitar o autocuidado por meio da alimentação saudável

Postado em: Alimentação Cuidados com a Saúde Saúde e Bem estar - 15/09/2020

Escolhas simples podem melhorar sua saúde e rotina alimentar. Confira! 

Por Joana D’arc Souza 

Já falamos aqui no blog sobre a importância do autocuidado, aquele momento dedicado exclusivamente para você. Hoje, vamos dar continuidade ao tema abordando um aspecto fundamental da nossa vida: a alimentação. 

Você já reparou que muitas vezes expressamos nosso afeto a uma pessoa querida fazendo, ou até mesmo comprando, a sua comida preferida? 

Mas e quanto a você? O quanto você tem se tratado como alguém querido? 

Você cuida bem da sua alimentação? O quanto você inclui de alimentos saudáveis na sua rotina alimentar? 

Independente da sua relação com a cozinha, é fundamental ter a clareza da importância que a boa alimentação tem para o seu corpo e mente. E em tempos de pandemia, consumir alimentos que promovem maior imunidade é fundamental. Por isso, estamos aqui para dar dicas práticas que irão te ajudar na conquista de uma alimentação saudável. 

Quer evitar algum alimento? A dica é simples: não compre! Se o seu objetivo é parar com o consumo de refrigerante, por exemplo, o primeiro passo é riscar o item da sua lista de compras. Outra tarefa importante é substituir o açúcar dos doces, pães, pizzas e massas, por alimentos com menor índice glicêmico, como os tubérculos. Índice glicêmico é a carga de açúcar que o alimento libera no seu corpo ao longo do tempo, quanto menor esse índice, mais tempo leva para o açúcar ser liberado, isso faz com que você demore mais tempo para sentir fome novamente. 

Outras dicas importantes para uma alimentação saudável são:

  • Faça um cardápio semanal e prepare a sua lista de compras a partir dele; 
  • Use temperos naturais; 
  • Descasque mais, desembale menos; 
  • Prepare porções menores de comida de acordo com a quantidade de pessoas em sua casa e, se possível, congele as refeições; 
  • Diminua o uso de alimentos ultraprocessados, quanto mais opções naturais melhor; 
  • Esqueça os fast foods; 
  • Tente eliminar as frituras da sua dieta, mas caso ainda opte por estes preparos, não economize na quantia de papel toalha, que irá absorver o excesso de gordura dos alimentos.
  • Lembre-se também que nada substitui uma orientação especializada de um nutricionista ou nutrólogo. Ter uma alimentação saudável é uma das formas de cuidar bem de si mesmo. Então, mãos à obra e pratos à mesa!

 

*Joana D’arc Souza é mentora de Produtividade Pessoal. Ajuda mulheres e mães a serem mais leves e equilibradas através do autoconhecimento aplicado ao planejamento de tarefas. 

Recomendados para você