Veja como identificar os sinais da anemia

Postado em: Cuidados com a Saúde - 26/11/2019

Problema pode afetar o organismo de diversas formas diferentes. Veja como perceber que a anemia está presente

A anemia acontece quando há pouca hemoglobina no sangue. Essa proteína é responsável pelo transporte de oxigênio dos pulmões para todas as partes do corpo. Quando seus níveis diminuem na corrente sanguínea, todo o organismo é prejudicado. Apesar da anemia variar conforme a gravidade e velocidade de desenvolvimento, alguns sinais podem ser observados:

Palidez

Quando a hemoglobina, que dá a cor vermelha ao sangue, fica com níveis baixos, a pele fica pálida e a palidez pode ser notada em todo corpo, em partes como gengiva, dentro dos lábios, face e na parte interna da mucosa que fica abaixo do olho, que também pode ficar amarelada.

Palpitações

Uma das funções da hemoglobina é auxiliar no transporte de oxigênio pelo corpo. Se tiver deficiência dessa proteína, o coração precisará trabalhar muito mais para transportar o oxigênio, o que pode resultar em batimentos cardíacos irregulares ou, em casos mais graves, sopro cardíaco ou insuficiência cardíaca.

Pernas inquietas

A síndrome das pernas inquietas é uma forma de agitação incontrolável das pernas quando se está em repouso. Essa condição pode ter relação com a deficiência de ferro – os desconfortos se acentuam conforme o baixo nível de ferro.

Ansiedade

Isso se explica devido à ineficiência no suprimento de oxigênio, que consequentemente acelera o sistema nervoso e o coração. A boa notícia é que esse estado melhora na medida que se fornece os nutrientes adequados ao organismo.

Pele, unhas e cabelos frágeis

Se tem notado que suas unhas racham, quebram com facilidade, os cabelos estão caindo mais que o normal, então é bom ficar alerta. Apesar de ser um sintoma menos comum, o quadro pode piorar se as unhas ficarem em forma de colher, uma condição conhecida como coiloníquia. A pele e o cabelo também sofrem, ficando secos e fracos, pois falta oxigenação nestas regiões;

Dor de cabeça e tontura

Quando o cérebro não é bem oxigenado, os vasos sanguíneos nestas regiões podem inchar, causando pressão, dores de cabeça e tontura, que podem tanto ser por deficiência de ferro ou outra complicação que precisa ser investigada. É fundamental procurar atendimento médico.

Cansaço

Pode ser comum que o cansaço no dia a dia seja mais ou menos intenso, mas se for persistente e o rendimento tem decaído, vale apostar em medidas preventivas. Talvez você esteja precisando de um complemento a mais para dar ao organismo o nutriente que falta para fazer a maquininha humana funcionar bem. 

Se tem se sentido fatigado, fraco, irritado com mais frequência, sem concentração e falta energia para as tarefas básicas do cotidiano, então é hora de tomar alguma providência.

Ciclo menstrual duradouro

Se o fluxo menstrual for mais intenso que o normal e de longa duração, este é outro caso que exige cuidado especializado. Portanto, procure ajuda médica para realizar exames físicos e laboratoriais.

Cuidados especiais

Muitos casos de anemia demandam atenção especial. Vale destacar que manter uma alimentação equilibrada é fundamental para fornecer os nutrientes que o corpo precisa para funcionar adequadamente. Além disso, é importante fazer exames de rotina, principalmente se observar que algo não anda bem. 

A suplementação de ferro deve ser feita com base na necessidade individual, pois as dosagens variam e não há como determinar a mesma quantidade para todos.

Além disso, a anemia não ocorre somente pela deficiência de ferro, também pode ser pela carência de ácido fólico, vitamina B 12 ou proteína.

Recomendados para você